bike e maresia - Bike e maresia: saiba como proteger

Bike e maresia: saiba como proteger

As estações do ano nos convidam calorosamente a praticar mais atividades ao ar livre. Especialmente, à beira-mar. Afinal, é a época em que mais pessoas se deslocam para o litoral em busca de refresco, sossego e paz.

Isso não significa, entretanto, que você deva levar a bicicleta consigo para tomar um banho de sol. Existem diversos cuidados com a bike que devem ser tomados, no litoral, para prolongar a vida útil de seus componentes, sabia?

E, neste post, nós vamos conferir cada um desses cuidados com a bike, evitando o desgaste precoce que a maresia pode causar no seu estimado meio de locomoção. Confira!

É possível pedalar na praia?

A verdade é que existe essa possibilidade, sim. Você pode pedalar na cidade, em trilhas ou mesmo na praia. Em comum com os diferentes cenários está a necessidade em tomar os devidos cuidados com a bike.

Do contrário, ela sofrerá um desgaste iminente e antecipado. Simples assim. A diferença, em pedalar na praia, está na atenção redobrada em sua manutenção. Isso porque a maresia e a própria areia são grandes vilões do bem-estar de sua bicicleta.

Dicas de cuidados com a bike para evitar a maresia

A maresia, em primeiro lugar, vem em grande ou baixa quantidade pelo vento que carrega partículas de água salina para o continente. Quando ocorrem vendavais e elevada umidade no ar, a maresia é proporcionalmente maior.

Isso pode acelerar o processo corrosivo de componentes metálicos de sua bicicleta. Daí a importância em se atentar aos cuidados com a bike que você pode protagonizar para minimizar tais efeitos nocivos, como:

  • Guarde a bicicleta nos dias em que o vento é constante e forte — o uso de capas impermeáveis sobre ela reforça a segurança dos componentes;
  • Um pouco de parafina na corrente, nos cabos de aço, nos raios e nos parafusos ajuda a reduzir os efeitos da maresia;
  • Lubrificantes na transmissão e também na corrente repelem a ação da água nos componentes;
  • Está na praia para um feriado ou período de férias? Considere o aluguel de uma bicicleta, em vez de levar a sua para o litoral;
  • Reforce a rotina de manutenção para prolongar a vida útil dos equipamentos e acessórios.

Viu como pode ser possível ter uma bicicleta na praia e, ainda assim, conservá-la por muitos passeios pela frente?

O cuidado se estende também ao acúmulo de areia

Além da maresia, a areia pode ser uma dor de cabeça constante para os ciclistas praianos. Mas, novamente: apenas se não são tomados os devidos cuidados com a bike.

Isso porque aquela areia fina que se concentra nos calçadões e na orla das cidades é penetrante. Aos poucos, ela se infiltra nas menores partes da bicicleta, como na direção ou mesmo no movimento de suspensão dela.

Dessa maneira, as partes da bike podem enferrujar com mais facilidade — sem falar que a areia também é prejudicial à corrente, engrenagens e aos dentes da bicicleta. O atrito gerado pelas partículas arenosas apenas desgastam rapidamente essas peças.

A boa notícia é que você não precisa tomar novas medidas preventivas além das que já citamos anteriormente. Com o tempo, essa rotina de cuidados com a bike vai garantir que você proteja com eficácia a sua bicicleta.

E, como estamos falando de estratégias para conservar o seu equipamento — e a sua segurança, consequentemente —, que tal também conferir quais cuidados você deve tomar ao pedalar em trilhas?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *